Revista D&A – Decoração e Arquitetura – Revista Digital

Novidades

Curta nossa fanpage
Projeto: Icono Projetos e Interiores | Foto: Luís Gomes

CINCO TENDÊNCIAS PARA PERSONALIZAR SEU QUARTO

O quarto é o ambiente mais intimista da casa e conhecido como nosso ‘Infinito Particular’, como sugere o nome da canção da cantora Marisa Monte. É lá que encontramos aconchego, guardamos nossos objetos pessoais e renovamos nossas energias. E quando o assunto é decoração, ele pede móveis, cores e detalhes que tenham a cara do dono.

Com a experiência e sensibilidade de entender o perfil e os desejos dos seus clientes, os designers de interiores Lome Chung e Paulo Brites, do escritório Icono Projetos e Interiores, compartilham suas dicas para o projeto, além de revelar as principais tendências para quartos. Confira:

 

  1. Cama

A cama foi e sempre será o centro das atenções do dormitório“, afirma Paulo Brites. Com diversos padrões, modelos, tamanhos, estilos, materiais e cores, cada uma conta uma funcionalidade diferente. A cama box, por exemplo, é uma boa opção, pois otimiza espaço ao dispor de gavetas para guardar lençóis e cobertores. “Isso não significa que a peça ficará sem graça, pois podemos fazer uma ótima composição com o enxoval“, conta Lome.

Com um ‘quê’ de modernidade e uma boa relação custo-benefício, uma ótima alternativa é a cama com base de palett. Com baixo custo, a escolha é sustentável e conta com um estilo despojado. Para os amantes do estilo romântico, o dossel é uma boa escolha e, segundo Paulo, “segue em alta”.

 

  1. Cabeceira

A cabeceira não é um item obrigatório na decoração de um quarto, todavia trazem o poder de diferenciar o espaço e, independente do estilo escolhido, realçar a cama. “A cabeceira tem tudo para ser a protagonista do ambiente. Basta ter criatividade”, ensina Lome. O primeiro passo é identificar o estilo do morador para definir o material, que pode ser desde o estilo tradicional, estofada, madeira, adesivos ou até mesmo ferro ou drywall. É fundamental trabalhar a unidade entre o modelo escolhido com o restante do décor do dormitório. Para finalizar, a parte superior da cabeceira pode receber uma composição de quadros ou outros objetos decorativos.

 

  1. Cores e parede

A escolha da cor é extremamente pessoal. A maioria das pessoas ainda pede tons mais discretos e neutros que combinem com qualquer móvel e piso. “O que mais nos solicitam são cores agradáveis e calmas para um sono mais tranquilo. Mas quando o cliente demonstra a vontade de ousar, buscamos salpicar o projeto com cores quentes e escuras”, comenta Paulo.

Em tempos de soluções mais viáveis, uma forma econômica e com pouca manutenção para mudar o estilo do quarto está relacionada à aplicação de textura.  O material tem aparecido bastante no décor e é usual para destacar apenas uma parede. “O papel de parede tem uma infinidade de estampas e traduz-se em uma escolha superbacana para a beleza do dormitório. No entanto, apresenta um custo mais elevado”, explica Lome.

 

  1. Materiais

A escolha dos materiais é uma decisão importante para determinar o estilo e a funcionalidade do espaço. Diante de tantas opções, o veludo é o tecido da vez e pode ser aplicado em almofadas, roupas de cama, detalhes ou móveis estofados. “E como todos sabemos, a moda é cíclica e estamos vivendo o novo anos 80 no décor também“, revela Paulo. Mas é possível fazer composições de materiais clássicos com elementos mais contemporâneos como, por exemplo, um mobiliário estofado com veludo e com pés metálicos. Elegância na certa.

 

  1. Integração

Com a alta demanda de dormitórios menores, os espaços devem ser muito bem aproveitados para a marcenaria. Integrar o quarto ao home office deixa o espaço fluido e funcional. “A integração de ambientes em si é uma tendência muito forte para qualquer ambiente“, finaliza Lome.

 

Sobre Icono Projetos e Interiores

Comandado pelos designers de interiores Paulo Brites e Lome Chung.

www.iconoprojetos.com.br

@by_icono

 

Fonte: Assessoria | dc33 Comunicação


Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/revistad/public_html/wp-content/themes/revistadea/functions.php on line 190

    Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/revistad/public_html/wp-content/themes/revistadea/functions.php on line 190
Mais novidades